4. Classificação e flexão das palavras

Verbo é uma palavra que exprime ação, estado, fato ou fenômeno.
O pássaro voa.
Eu estou feliz.
Chove torrencialmente
 
O verbo é o grupo de palavras que mais varia. Ele se flexiona em: tempo, modo, número, pessoa e voz. O verbo tem três modos: indicativo, subjuntivo e imperativo.
Os modos verbais indicam as diferentes maneiras de um fato se realizar.
1. O indicativo exprime um fato certo.
 Ele encontrou o pai.
 Ela viaja sempre.
2. O imperativo exprime ordem, proibição, conselho, pedido.
Retire-se!
 Não volte tarde.
3. O subjuntivo enuncia um fato hipotético, duvidoso.
Talvez ele não viaje.
 
O verbo no modo indicativo tem três tempos: presente, pretérito (passado) e futuro.
1. No presente a ação está acontecendo.
Eu levanto cedo.
 
2. No pretérito a ação já aconteceu. O pretérito pode ser:
• perfeito – Eu levantei cedo.
• imperfeito – Eu levantava cedo.
• mais-que-perfeito – Eu levantara cedo.
 
3. No futuro a ação vai acontecer. O futuro pode ser:
• do presente – Eu levantarei cedo.
• do pretérito – Eu levantaria cedo.
 
Os verbos no in­finitivo podem ter as seguintes terminações: -ar, -er, -ir, -or.
• Os que terminam em -ar fazem parte da 1ª  conjugação.
• Os que terminam em -er fazem parte da 2ªª conjugação. Também o verbo pôr (antigamente poer) e seus compostos (depor, repor, antepor, compor etc.) pertencem à 2ª conjugação.
• Os que terminam em -ir fazem parte da 3ª conjugação.
 
Quanto à voz, os verbos se classificam em:
ativos – Maria colheu as jabuticabas.
passivos – As jabuticabas foram colhidas por Maria.
reflexivos – O rapaz machucou-se levemente.
 
O sujeito da voz reflexiva pratica a ação e recebe o resultado dessa ação
 
Verbos auxiliares são os que se juntam a outros verbos para formar a voz passiva, os tempos compostos e as locuções verbais.
• Era conhecido por todos.
• Ela havia indicado você.
• Raul estava lendo o jornal.
• Ele vai pedir auxílio.
• Começou a chover.
 
FORMAÇÃO DO IMPERATIVO
• O imperativo a formativo das 2ª pessoas do singular e do plural (tu e vós) vem do presente do indicativo, mediante a supressão do s ­ nal. As demais pessoas provêm do subjuntivo, sem nenhuma alteração.
• O imperativo negativo tem as mesmas formas verbais do presente do subjuntivo.
 
Note a diferença entre as palavras seguintes.
• pode (presente do indicativo): Ele pode ir agora.
• pôde (pretérito perfeito do indicativo): Ela só pôde ir ontem.
 
Observe o acento destes verbos, no plural.
Ele tem tempo. / Eles têm tempo.
Ela vem de carro. / Elas vêm de carro.
• O verbo ter e seus compostos, assim como vir e seus compostos, recebem acento circunflexo na 3ª pessoa do plural do presente do indicativo.
 
Os pronomes o, a, os, as, quando vêm ligados a uma forma verbal terminada em -r, assumem as formas -lo, -la, -los, -las. observe:                                                                   
• examinar + a = examiná-la
• prender + os = prendê-los
Atenção: Os verbos terminados em -ar recebem acento agudo, e os terminados em -er e -or, acento circunflexo.
 
Advérbio
 
Advérbio é uma palavra que modifica o sentido do verbo, do adjetivo ou do próprio advérbio.
Principais advérbios
• de a­ formação: sim, certamente, deveras, realmente
• de dúvida: talvez, quiçá, acaso, porventura, provavelmente
• de intensidade: muito, pouco, bastante, mais, menos, tão, meio, demais, bem, mal
• de lugar: abaixo, acima, acolá, cá, lá, aqui, ali, aí, além, aquém, atrás, fora, afora, dentro, perto, longe, adiante, diante, onde
• de modo: bem, mal, assim, depressa, devagar, melhor, pior, calmamente, livremente e quase todos os advérbios terminados em -mente
• de negação: não, tampouco (= também não)
• de tempo: agora, hoje, amanhã, depois, ontem, anteontem, já, sempre, nunca, jamais, ainda, logo, antes, cedo, tarde, outrora, então, breve, brevemente, imediatamente, raramente, ­ finalmente, presentemente, diariamente
Você sabia...
Podemos utilizar os advérbios de tempo para nos referirmos aos dias da semana:
Anteontem, ontem, hoje, amanhã, depois de amanhã
 
Advérbios interrogativos são as palavras onde, aonde, donde, por que, quando, como.
 
Locuções adverbiais são expressões que têm a função dos advérbios. Iniciam-se ordinariamente por uma preposição.
Algumas delas:
• às cegas, às claras, às escondidas, à toa, às pressas, a pé, às vezes
• de repente, de propósito, de improviso, de vez em quando
• em breve, em vão, em cima
• à noite, ao acaso
• sem dúvida, com certeza, por certo
Educando Mais! Todos os direitos reservados - © 2019 Educando Mais! 
  • Facebook
  • Canal Educando Mais!
  • Instagram
  • Rádio Educando Mais
  • Rádio Educando Mais
  • Rádio Educando Mais
  • Rádio Educando Mais
  • RSS ícone social
E-mail do Educando Mais!