10 - Natureza e questões socioambientais

Brasil, país continental, o gigante, o país de todas as cores e etnias. Escutamos isso algumas vezes quando se fala de nosso país, mas como é esse Brasil? Observe a imagem e reflita: quais são suas características naturais e humanas? Quais os limites do território? Em qual hemisfério se localiza?
 
O território brasileiro no mundo
Quando observamos o Brasil num mapa-múndi político, podemos ver facilmente os contornos das fronteiras do nosso país devido a sua grande extensão. Com uma área de 8 515 767 quilômetros quadrados, fica atrás apenas de Rússia, Canadá, China e Estados Unidos em extensão territorial. Observe a localização do Brasil no mapa abaixo.
O Brasil está localizado no continente americano, a oeste do Meridiano de Greenwich. Portanto, está totalmente inserido no Hemisfério Oeste ou Ocidental. É atravessado pela Linha do Equador ao norte, ficando com a maior parte das terras no Hemisfério Sul.
No contexto sul-americano, o Brasil apresenta características únicas como:
• o maior território;
• a maior costa litorânea;
• a maior diversidade de ecossistemas;
• único país de língua portuguesa.
Além disso, tem como limite leste o Oceano Atlântico, facilitando as trocas comerciais por via marítima com América do Norte, África e Europa.
O Brasil é chamado de país-continente por ter grande extensão territorial, fazendo fronteira com a maioria dos países da América do Sul, com exceção do Chile e do Equador.
Observe o mapa e reflita sobre ele para responder: o Brasil está mais próximo da Europa ou da África? Com qual país fica mais rápido para o Brasil realizar o transporte marítimo, Japão ou Estados Unidos?
Brasil, país ou continente? 
[...] Geograficamente, o Brasil está situado em um ponto privilegiado do continente sul-americano e é considerado uma potência, destacando-se no campo político e econômico. O país possui fronteira com grande parte dos países sul-americanos, salvo o Chile e o Equador, esse fator facilita as negociações comerciais e o fluxo de capitais e mercadorias. Para o estabelecimento das fronteiras atuais foram necessários diversos acordos e tratados, os limites territoriais têm como objetivo indicar onde termina um país e inicia o mate ser bebido quente ou frio. No Paraguai e na Argentina, muitas vezes o mate é enriquecido com outras ervas para dar um sabor diferente e é possível colocar açúcar. “Mas para os uruguaios, o açúcar é uma transgressão profunda! Para eles o mate deve ser amargo e sem nada agregado. Os paranaenses têm um questionamento semelhante”, explica a professora de Ciências Políticas e Sociologia da Universidade Federal da Integração Latino-Americana, Victoria Ines Darling. [...] 
(Disponível em:<http://redeglobo.globo.com/globouniversidade/noticia/2012/06/conheca-exemplos-de-diferencas-culturais-dos-paises-da-america-latina.html.>
Acesso em 9 ago. 2016.)
Pontos extremos
A distância em linha reta entre os pontos extremos Norte e Sul do Brasil é de 4 402,9 quilômetros e entre o Leste e o Oeste, 4 326,2 quilômetros.
O ponto Extremo Norte é a nascente do Rio Ailã localizada no Monte Caburaí, em Roraima. Para ser mais preciso, o Monte Caburaí não está todo em território brasileiro, parte dele situa-se na Guiana e a definição exata da fronteira se faz pela nascente do Rio Ailã, no seu topo.
O ponto Extremo Sul do Brasil é definido por uma das curvas do Arroio Chuí, no Rio Grande do Sul, fronteira com o Uruguai. O ponto Extremo Oeste é a nascente do Rio Moa, na Serra da Contamana, no Acre, fronteira com o Peru. O ponto Extremo Leste é a Ponta do Seixas, na Paraíba, que é o mais visitado dos quatro extremos.Em relação à altitude, o ponto mais alto do Brasil é o Pico da Neblina, com 2 994 metros, localizado na Serra do Imeri, no estado do Amazonas. Outros pontos consideráveis: Pico 31 de Março, com 2 973 metros, também 
localizado naSerra do Imeri; Pico da Bandeira, na Serra do Caparaó, entre Minas Gerais e Espírito Santo, com 2 892 metros; Pedra da Mina, na Serra da Mantiqueira, entre Minas Gerais e São Paulo, com 2 798 metros; e o Pico das Agulhas Negras, na Serra do Itatiaia, entre Minas Gerais e Rio de Janeiro, com 2 791 metros.
A linha da costa brasileira, com extensão total de 7 367 quilômetros, apresenta um dos mais extensos litorais do planeta. Muito regular, sobretudo ao norte, apresenta várias fendas profundas que formam excelentes portos naturais, como Rio de Janeiro, Salvador e Recife. A costa é margeada por uma estreita planície costeira, com exceção de algumas áreas, nas quais o planalto do Brasil entra em contato com o oceano.
 
Fusos horários do Brasil 
Devido à sua grande extensão longitudinal, ou seja, no sentido leste - oeste, o território brasileiro possuía quatro fusos horários até junho de 2008. De acordo com a Lei n.º 11.662, aprovada em 24/04/2008, o Brasil passou a ter três fusos horários, todos atrasados em relação ao Meridiano de Greenwich, pois o Brasil está localizado a oeste desse meridiano.
Em 2010, após um referendo, o Acre e 13 municípios do Amazonas decidiram pela volta de seu antigo fuso horário, 2 horas a menos em relação à Brasília. Em 2013 foi sancionada a lei que definitivamente fez o Brasil voltar a ter novamente quatro fusos horários. Veja no mapa a seguir as mudanças ocorridas neste período.
Horário de verão 
O horário de verão no Brasil abrange as regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste, fazendo com que elas adiantem o relógio em 1 hora. O objetivo é aproveitar melhor a luz solar, para assim promover economia de energia, pois durante o verão no Hemisfério Sul, como também acontece no verão do Hemisfério Norte, os dias são mais longos. Os estados do Norte e Nordeste ficam com a mesma hora.
Educando Mais! Todos os direitos reservados - © 2019 Educando Mais! 
  • Facebook
  • Canal Educando Mais!
  • Instagram
  • Rádio Educando Mais
  • Rádio Educando Mais
  • Rádio Educando Mais
  • Rádio Educando Mais
  • RSS ícone social
E-mail do Educando Mais!